terça-feira, outubro 18, 2011

Je' taime


Ele pode ser o rosto que eu não consigo esquecer
Um traço de prazer ou de arrependimento
Talvez meu tesouro ou
O preço que eu tenho que pagar

Ele pode ser a música que o verão canta
Talvez o frescor que o outono traz
Talvez uma centena de coisas diferentes
No espaço de um dia

Ele pode ser a bela ou a fera
Talvez fartura ou a fome
Pode transformar cada dia em um paraíso
ou em um inferno

Ele pode ser o espelho do meu sonho
O sorriso refletido no rio
Ele pode não ser o que parece ser
dentro de sua concha

Ele, que sempre parece tão feliz no meio da multidão
Com os olhos tão pessoais e tão orgulhosos
Mas que não podem ser vistos
quando choram

Pode ser o amor que não espera que dure
Pode vir das sombras do passado
Que eu irei me lembrar até o dia de minha morte

Ele talvez seja o motivo para eu sobreviver
A razão pela qual eu estou vivo
A pessoa que cuidarei através
dos difíceis e imediatos anos

Eu, eu pegarei as risadas e as lágrimas dele
E farei delas todas minhas recordações
Para onde ele for, eu tenho que estar lá
O sentido da minha vida é ele.
 
 


2 comentários:

  1. Ola,amiga participo da parceria Blogueiras Unidas, meu numero de identificaçao é o 987 !Ja virei sua seguidora, quero te convidar para conhecer o meu blog e me seguir tambem!
    http://aprendizdecabeleireira.blogspot.com

    ResponderExcluir